A função do gestor cultural é nova e com a organização do segmento cultural, como mola propulsora da economia, esse profissional faz-se cada vez mais necessário e decisivo para ações mais elaboradas e duradouras. Lida com aspectos culturais e administrativos do projeto visualizando como cada parte afeta o todo. É responsável pela coordenação geral e a tomada de decisões.

Gestão Cultural

GESTÃO CULTURAL

Serviços

Captação de recursos

​​​​​​​Captação de recursos – Captar recursos é uma forma de atender às necessidades do projeto ou instituição. Nem sempre os recursos necessários são financeiros, em diversos momentos a captação perpassa por captar produtos e serviços que contribuem para o alcance do objetivo da iniciativa em questão. Os recursos podem ser físicos (local para ensaio, apresentação, eventos e etc..), financeiros (dinheiro, patrocínio, permuta), materiais (figurino, material de escritório e papelaria entre outros), intangíveis (histórias, manifestações, conhecimentos ancestrais). Ou seja, tudo aquilo que se faz necessário para realizar um objetivo.



My Image
My Image

PRODUÇÃO CULTURAL

Produção Executiva ou Produção Cultural – O produtor cultural é o responsável direto pela execução das ações dentro de um projeto ou ação. Funções desenvolvidas: Coordena a equipe de projetos culturais, acompanha sistematicamente o cronograma e coordena fornecedores; organização de eventos comerciais e culturais; Secretariado em eventos ou para eventos ou para empresa; Produção executiva – depende do formato e local; Contratação de prestadores de serviços para execução de funções em projetos; Assessoria e acompanhamento para composição do conceito de releases e projetos gráficos.

Produção Cultural
Elaboração de Projetos

​​​​​​​Elaboração de projetos e Envio de projetos – É uma forma de captação. Por meio de um edital específico ou uma chamada pública desenvolve-se uma proposta de trabalho com a finalidade de realizar uma determinada ação. Sendo a proposta aprovada, passa-se a investir esforços à realização de um projeto;Acompanhamento da execução de projetos.


Prestação de Contas

Prestação de Contas – Após a realização de uma proposta é necessário prestar contas. Essa prestação de contas pode ser obrigatória ou espontânea. Obrigatória quando ela faz parte de uma das fases de execução de um projeto, por exemplo. Nesse caso, a execução conclui com a entrega da prestação de contas física e financeira. Já a espontânea é uma forma interessante de cativar um patrocinador para que o mesmo esteja cada vez mais fidelizado a causa. É um relatório de sustentabilidade que gera credibilidade e confiança da organização ou coletivo e aproxima do parceiro ou investidor. Tem como responsabilidade realizar o registro, arquivo, memória e documentação de projetos e ações.

Consultoria

Consultoria – É um treinamento de profissionais de organizações com a finalidade de alcançar metas especificas. E/ou implementa-los em organizações ou empreendimentos criativos. Abrange também assessoria para readequação e/ou formatação de propostas pré existentes; Mapeamento, perfis e tira dúvidas de editais.