A Tear produtos culturais é um empreendimento criativo, que busca contribuir para a realização de inciativas culturais por meio do acesso a financiamentos públicos e privados, diretos e indiretos.

​​​​​​​

Existem recursos de diferentes naturezas, mas especialmente as financeiras e as intangíveis que não estão facilmente ou claramente disponíveis. E para acessá-las é necessário conhecer alguns mecanismos para torná-los palpáveis. Esses, em alguns casos, a maioria da população desconhece que pode se beneficiar das oportunidades de financiamentos, e consequentemente, encontrar mais facilidades para o desenvolvimento de seus trabalhos artísticos, culturais e sócio educativos.

Assim, elaborar projetos é mais do que simplesmente captar recursos financeiros para execução de atividades fins. É também entender e aprender a lidar com os significados e simbolismos que permeiam realidades distintas. E posteriormente, contribuir para que essas realidades se afinem e se unam num dado momento, que no segundo seguinte se esvai. Formação de redes. Iniciativas colaborativas.

Quem somos

My Image

O papel da TEAR é fomentar o segmento cultural por meio de alternativas que permitam proporcionar a realização de sonhos e iniciativas culturais que agreguem valor, beneficiando mais pessoas, por meio da democratização do acesso à cultura. Cultura essa, muitas vezes restrita a um nicho de apreciadores seletos.


O que as iniciativas culturais proporcionam é mais do que a democratização de acesso, elas proporcionam a formação de público e plateia que tem por objetivo, apresentar o que existe, para que por meio da apreciação estética o público possa desenvolver empatia pelas diferentes formas de manifestações culturais e, a partir de então, passam apreciá-la entendendo o seu conceito e conteúdo. E consequentemente passem a ter o seu entendimento próprio sobre o assunto.

​​​​​​​​​​​​​​

​​​​​​​

My Image

GRAZIENE MOREIRA

Graziene Moreira - Profª. Especialista em Gestão Cultural, graduada em Administração em Análise de Sistemas. Integrou o Programa de Extensão do Curso Capacitação e Qualificação de Gestores Culturais do Centro-Oeste pela UNB/Minc (2015) e o Programa de Formação de Gestores Culturais FGV/Minc (2010). Atualmente trabalha em seu em

preendimento criativo – TEAR Produtos Culturais; É Assessora de Desenvolvimento da ONG Terra Livre; presta assessoria na Rabecas e Percussão, Estúdio Onze e Onze e WA Imagem e Fotografia; Consultora e palestrante na área de gestão cultural e projetos culturais. 



My Image

Deísa Machado

Especializanda em Gestão de Arquivos e Tecnologia da Informação na Faculdade Sul Americana – FASAM.  Bibliotecária Documentalista pela Universidade Federal de Goiás, com experiências em bibliotecas técnicas. Atuando no ramo de Controle Técnico de Manutenção de Aeronaves nas empresas Globo Aviação LTDA/Voar Aviação LTDA. Em biblioteca especializada/ Escolar atuou como coordenadora da Biblioteca Carmelinda Guimarães do Itego em Artes Basileu França (2011 a 2014), onde desenvolveu atividades de processamento técnico e projetos de Contação de histórias; implementou o projeto da semana nacional do livro e da biblioteca na instituição, entre outros. Durante a graduação realizou estágio supervisionado na Biblioteca Setorial da UFG realizando atendimento aos usuários, desenvolveu e apresentou um “Manual do Setor de Empréstimo da Biblioteca com o passo a passo das atividades. Como estagiária também atuou na biblioteca Central do Serviço Social do Comércio de Goiás (SESC) Exercendo atividades classificação e catalogação de livros e CDs, cadastramento no Software Informa - Recebimento e conferência das publicações recebidas.

My Image

Grabriela Lima 

Aluna especial do mestrado em Desenvolvimento Sustentável, do Centro de Desenvolvimento Sustentável da Universidade de Brasília (CDS/UnB), na disciplina “Unidades de Conservação e Desenvolvimento Sustentável”. Bacharelado em Comunicação Social – Habilitacao em Jornalismo na Universidade Federal de Goiás. Atualmente trabalha no Jornal Opopular na editoria “Vida Urbana”. Possui experiência  na produção de matérias e atualização da home page regional (Goiás), edição de vídeos do Jornal Anhanguera e postagem na área de vídeos do site, trabalhando no G1 – Portal de notícias da Globo. No Jornal A Redação trabalhou como Editora executiva na implantação do site no jornal. Como Subeditora do CB Online responsável por atualizações na home page do site e coordenação da produção de conteúdo para a sessão Cidades-DF. Como repórter do CB Online, atuou na produção de matérias e notas na sessão Cidades-DF e administração os destaques na capa da editoria, com troca fotos, além da inserção de áudios e vídeos nas matérias. Como editora do DM Online responsável pela cobertura dos principais acontecimentos da cidade, agenda cultural, eventos esportivos e indicadores econômicos; administrava as partes interativas do site e conteúdo multimídia. Desenvolvia projetos como blogs, hotsites e especiais.  Como repórter e editora-assistente de Cidades trabalhou na produção de matérias sobre cotidiano da cidade; atuou também como editora-assistente. Como repórter e editora-assistente do DM Online responsável pela implantação do serviço de Últimas Notícias no site DM Online.

My Image

Gabriela Gorski 

Cursando Licenciatura em Historia na Pontifícia Universidade Católica de Goiás. Atua como Assistente de Produção na Tear Produtos Culturais, nos projetos: Oficina de Elaboração de projetos culturais, Alvorada, Periférias 1 e 2 edição.  Tem experiência na área de Sonoplasta/Projetor (a) de Imagens no Projeto Escola de Circo Laheto, Organizadora/Produção Cultural no Bazar Cultural. Na área de artesanato atua com pintura de estampas galáxia em roupas.

Ernesto Petrillo

Cursando Engenharia Civil no Instituto de Pós Graduação, IPOG, possui curso técnico em Fotografia. Tem experiência como produtor/Administrador de Demarcação e Logística de Público – Festival de Arte, Cultura e Música Universo Paralello, Bahia – BA. Trabalhou como Produtor/Câmera na Casa de Produções Audiovisuais. Atuou na Fundação Nacional do Índio- FUNAI como Fotógrafo/Cinegrafista e Auxiliar de Coordenação da Licenciatura Intercultural Indígena – UFG (Loja Artíndia e Setor de Educação e Cultura); Como estagiário da FUNAI trabalhou como fotógrafo nos setores (Pessoal Educação e Cultura e Material).

​​​​​​​EQUIPE